Carro elétrico…

carros eletricos 1908poneis minas de carvão

eletrico 18

tesla eletrico

Os percursores dos carros elétricos foram os horsecar, or horse-drawn tram, criados inicialmente para fazerem o transporte de pessoas em Manchester e posteriormente “exportados” para os países “amigos” da Inglaterra, para Portugal por exemplo.

Não eram eletric-powerd, mas sim animal-powerd ! e foi uma ideia surgida por cópia do que se passava nas minas de carvão inglesas, que retiravam o carvão das “catacumbas” em vagonetes encima de carris, puxadas por póneis.

Porém, as pessoas que como eu nasceram durante o “baby-boom” só reconhecem na designação Carro Elétrico aqueles carros amarelos que transportavam pessoas (hoje transportam turistas) em Lisboa, e que têm janelas-guilhotina-ao-contrário. Entrava-se pela frente e saía-se pela porta traseira (se o carro estava cheio, era bem difícil esse percurso…).

Os meus netos, quando tiverem a minha idade e lhes perguntarem o que é um carro elétrico antigo, vão certamente lembrar-se em primeira mão da marca Tesla !!! são outros tempos…

O paradigma da energia está a mudar. Essa mudança faz lembrar a antiga passagem do carvão para os combustíveis fósseis, que ocorreu entre as duas grandes guerras, em que os navios civis e militares foram forçados a reconverter os queimadores das cadeiras, de pó de carvão para nafta, isto é, para petróleo-bruto, por ser mais barato e por permitir maior autonomia aos navios. Essa alteração pode ser vista em pormenor no MAAT (arte arquitetura e energia) em Lisboa, no edifício que antes foi a central abastecedora de eletricidade a Lisboa, a Central Tejo. A maquinaria é a mesma que se poderia encontrar no porão dos navios daquela época.

Nesse tempo de mudança, a corrida ao controlo das áreas geográficas com subsolo rico em hidrocarboneto fosseis terá sido uma das causas mais importantes no despoletar da Segunda Grande Guerra.

Hoje, parece que estamos a mudar em força da energia fóssil para a energia elétrica, e já se assinalam guerras pelo controlo das matérias primas associadas. A principal é o Cobalto, cujo maior produtor é o Congo, seguido pela China e pelo Chile. Recentemente Angola declarou ter territórios que pertencem ao alegado maior filão desse minério, que vai da República Democrática do Congo até à Zâmbia, vasta riqueza claramente cobiçada pela China

2 opiniões sobre “Carro elétrico…”

  1. Manel, Pensava que a matéria prima fosse o lítio, que há cá muito em Portugal, mas agora falas no cobalto, e isso não temos…

    toufeito escreveu em sáb, 4/05/2019 às 12:59 :

    > Manuel Vicente Galvão posted: ” Os percursores dos carros elétricos foram > os horsecar, or horse-drawn tram, criados inicialmente para fazerem o > transporte de pessoas em Manchester e posteriormente “exportados” para os > países “amigos” da Inglaterra, para Portugal por exemplo. Não ” >

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.