Sexo forte…

mulher sexo forte

As mulheres, quando querem, são tão más ou piores que o pior dos homens; são o Sexo Forte!

Vejam este caso:

Médico viveu durante 25 anos com a esposa, advogada de profissão, que o maltratava a toda a hora, a si e aos filhos. Ambos têm salário como meio de subsistência.

Há 3 anos separaram-se e ele está inconsolável. Por isso, pôs a mulher em tribunal e relata agora, em frente à vasta audiência do tribunal, sevícias de que foi vítima,.

Na minha opinião a frustração deste homem é a de não poder beneficiar de mais sevícias…

Em Portugal existe uma lei que dá pelo nome popular de “divórcio sem o consentimento do outro” para ser usada por quem quer o divorcio e não gosta de lavar roupa suja na praça pública…

Há pessoas que, mesmo pertencendo à classe mais instruída da sociedade, e com autonomia económica, não compreendem as figuras tristes que andam a fazer neste mundo…

Se fosse ao contrário; ele o alegado agressor e ela a alegada vítima, a minha avaliação mantinha-se. Os adultos têm o dever de poupar os filhos a cenas como as que são descritas aqui. Ao mais pequeno sinal de violência, o casal deve divorciar-se, pois a convivência em situação de violência só agrava a relação, agrava o sofrimento dos filhos, e pode atingir níveis preocupantes – homicídio, por exemplo. 

E agora este exemplo:

Um grupo de 6 pessoas, das quais 3 são mulheres, praticam assaltos à mão-armada, tráfico de droga e outros delitos graves. Isto é, mesmo fora do lar, elas podem ser bem más!

A chefe do bando é uma mulher de 20 anos…

Portanto, se alguma vez for roubado, ou agredido sem ver o autor, não parta do princípio que foi um homem…

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.