DE COSTAS VOLTADAS

Num passado recente, um país da NATO atacou instalações petrolíferas de outro país da NATO. Foi durante a guerra da Síria. Coisa nunca antes vista. O agressor foi a Turquia, o alvo atingido foram instalações petrolíferas da TOTAL, petrolífera francesa.

Desde então os incidentes sucedem-se:

A França questionou:

  • a legitimidade da pesquisa de gás natural que a Turquia está fazendo no Mediterrâneo Oriental, junto à fronteira da UE.
  • a legitimidade da intervenção armada da Turquia no Líbano.
  • o envio pela Turquia de mercenários da guerra da Síria para Nagorno-Karabakh, em apoio às pretensões do Azerbaijão, contra a Arménia (país de maioria cristã).
  • o silêncio da Turquia quanto ao assassinato em França de um professor, Samuel Paty, por um jovem muçulmano, com requintes de malvadez. Nem sequer um voto de pesar foi recebido no Eliseu.
  • a forma como Erdogan se referiu em público ao presidente francês. Chamou-o de maluco, mando-o ir ao médico…

Desde que o Reino Unido saiu da União Europeia que a França parece querer ocupar o seu lugar no que diz respeito ao poder das armas. No dia seguinte à explosão de grandes dimensões que ocorreu no porto do Beirute. Macron apresentou-se no local, que visitou com altos funcionários franceses e membros do governo libanês. Na forma como falou para as televisões parecia “o dono daquilo tudo”.

Desde que faliram as iniciativas de ocidentalização que ficaram conhecidas por Primaveras Árabes, Recep Tayyip Erdoğan, Presidente da República da Turquia, vende para consumo interno o sonho de restaurar o Império Otomano, com o esplendor de outrora. Isto é:”Islam First”.

São muitos os interesses que França tem para defender; Síria, Líbano, Mali, etc, tudo assuntos a tratar com uma ameaça de fundo comum; o poder islâmico.

https://www.noticiasaominuto.com/mundo/1612491/declaracoes-de-erdogan-sobre-macron-sao-inaceitaveis-considera-borrell

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.