Mulher afoga duas filhas no rio Tejo

É-me muito penoso falar sobre violência doméstica. Tenho tido alguns dissabores em comentários anteriores, nos blogues que costumam abordar esse tema.

O cidadão comum não compreende que o stress e os ambientes continuadamente muito hostis podem fazer certas pessoas darem em malucas, que é como quem diz, praticarem atos fora de qualquer racionalidade. Atos de violência contra outros ou contra si próprios.

Um dos casos que deu brado há uns anos atrás foi o das sevícias praticadas por militares americanos nas prisões do Iraque.

Na minha opinião aqueles jovens jamais fariam aquelas atrocidades em condições de convivência normal e pacífica nos seus países de origem. O Stress, o uso de álcool e drogas e a tendência para a depressão ou para outros problemas psicológicos, são os principais fatores que contribuem para o aparecimento destes atos violentos extremos.

É que, quem conheceu de perto a grande maioria destes facínoras, quando interrogado depois dos atos consumados, recorta os autores como pessoas pacíficas e até afáveis. As poucas exceções a estas opiniões só servem para confirmar a regra.

O cidadão comum devia ser alertado para o facto de, ele próprio, poder vir a ser no um agressor de extrema violência, bastando para tal que o ambiente que o circunda lhe seja extremamente hostil durante muito tempo, e que a perspetiva de sair dessa situação se lhe afigure, então, impossível.

Há quem considere estes meus argumentos branqueamento do caráter agressivo dos agressores. Eu acho que não é branqueamento coisíssima nenhuma.

Acho que os atos violentos na sequência de situações prolongadas de stress deve ser abordado numa lógica de problema de saúde pública.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s